Dados em jogo

Há 294 jogadores africanos e sul-americanos
que chegaram à Europa com menos de 18 anos
a jogar nas principais competições de futebol do continente.

infografia_1

Cada um destes pontos representa uma criança
a quem foi vendido o sonho de um dia
se poder tornar num grande jogador de futebol.
Mas a maioria não tem essa sorte.

Vídeo

Guiné-Bissau, Brasil, Senegal, Camarões e Costa do Marfim
são os países de origem de mais de metade destes jogadores.

infografia_2

infografia

No total, contam-se 226 africanos e 68 sul-americanos.

infografia_3

Portugal é o país da Europa que acolheu mais
jogadores africanos e sul-americanos menores.

infografia_4

Mais de metade é oriunda das antigas colónias portuguesas:
Guiné-Bissau, Brasil, Cabo-Verde e Angola.

infografia_5

infografia

A maioria destes atletas são jogadores dos três grandes do futebol português.

infografia_6

infografia
Vídeo

Menores na Europa em 2014/2015

Nos principais clubes europeus
contam-se 49 africanos e 9 sul-americanos menores.
Mais de metade joga em Portugal.

infografia_7

A maioria dos menores a jogar futebol na Europa vem da Guiné-Bissau.

infografia_8

30 clubes europeus têm no seus plantéis jogadores
com menos de 18 anos oriundos de África e da América Latina.

infografia_9

Vídeo

No final de 2014, o  SEF investigou 104 clubes
e associações desportivas em todo o país e identificou 508 atletas estrangeiros,
dos quais 203 estavam em situação ilegal.
Em pelo menos 25 clubes foram encontrados atletas
em situação ilegal, avançou o Expresso em Fevereiro de 2015.

Vídeo

Saiba mais sobre o processo de recolha de dados.

Share on Google+Tweet about this on TwitterShare on Facebook

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *